quarta-feira, 18 de junho de 2008

Flash mob online?

Quem nunca propôs um flash mob em seu plano de ações?

Esse tipo de ação tem sua origem na espontaneidade - pessoas que combinam previamente um 'happening', e se dispersam após realizá-lo na data e horário marcado. Mas hoje em dia, com a apropriação de todo e qualquer tipo de tendência pela comunicação, muitos flash mobs são organizados por marcas, que pagam as pessoas para participar da ação.

Escrevi essa introdução para falar sobre um flash mob online do qual participei ontem. E convidá-lo a participar também. Espera aí, mas existem flash mobs online? Eu nunca ouvi esse termo, mas resolvi usá-lo por acreditar que nesse caso ele é adequado. Vejam se concordam ou não comigo.

Sou usuário do Mozilla Firefox (uma marca que, assim como a Apple ou o Google possui milhões de "consumidores-seguidores"), e há algumas semanas recebi um e-mail marketing que falava sobre um tal de Firefox Download Day. A idéia é simples e mobilizadora, com grande potencial de geração de buzz e mídia espontânea.



"Junte-se a nós em nossa missão de estabelecer um recorde mundial no Livro dos Recordes Guinnes pelo software mais baixado em 24 horas".

Simplesmente incrível. Transformaram o que deveria ser um simples lançamento da nova versão do software em um acontecimento de proporções globais, criando um elo emocional com as pessoas para estimular o download.

Obviamente fiz o opt-in para receber um lembrete quando chegasse o grande dia. E chegou. Você tem até hoje as 15h16 para contribuir com a pontuação brasileira. Sim! Para ficar ainda mais envolvente, eles colocaram no site um mapa-mundi com o número de downloads de cada país. Até agora o ranking está assim:
1º - EUA
2º - Alemanha
3º - Japão
4º - Espanha
5º - Reino Unido
6º - França
7º - Itália
8º - Irã
9º - Canadá
10º - Polônia
11º - Brasil
12º - China
13º - Austrália

Vamos lá pessoal. Juntem-se a mim nessa missão de terminarmos o Firefox Download Day na frente do Irã! Temos pouco menos de 5 horas...

No total já foram feitos 6,576,570 downloads. Será que sem essa ação eles conseguiriam um número tão expressivo em menos de 24 horas? Eu acho que não.

Um belo flash mob online, não acham? Ou vocês acreditam que eu não poderia utilizar esse termo?

Update: o Firefox 2 teve 1,600,000 de downloads no dia de seu lançamento. Assim fica mais fácil mensurar o sucesso da ação.

Update 2: o Firefox 3 teve mais de 8,000,000 de downloads em 24 horas. Um recorde! Eles já enviaram ao Guinnes Book para validação. Mas infelizmente o Brasil ficou atrás do Irão em número de participantes... :(

Um comentário:

[dea] disse...

um exemplo muito bacana sobre como desenvolver novos meios e mídias. o post da joyce diretamente de cannes tbém fala um pouquinho disso: http://grupodeplanejamento.typepad.com/